Desentupidora São Paulo 24hs. Desentupir canos e esgotos é a nossa missão. A 99 Desentupidora atende toda região de São Paulo - Visita gratuita.


Desentupidora 24Hs

Desentupidora São Paulo | Desentupidora Emergência | Desentupir 24Hs

99 Desentupidora Como reduzir o consumo de água

Como reduzir o consumo de água

Para diminuir o consumo de água pode-se começar a medir os gastos em baldes. Assim poderá fazer as mesmas tarefas, mas com consumo de água menor.

 

Ao lavar o carro não precisa usar a mangueira. Meio balde é uma boa quantidade para molhar o carro, assim poderá o ensaboar e com um balde grande completo o enxaguar por completo. A limpeza interior do mesmo pode ser a seco com um aspirador de pó.

 

Os banhos podem diminuir o consumo de água com pausas para se molhar e enxaguar.

 

A tática do balde pode novamente ser usada para a lavagem do banheiro e dos talheres após o uso.

 

Com captação e tratamento de efluentes como a água da chuva, a maior parte do uso de água pode ser substituído por essa coletada.

 

Caso apareça algum entupimento, nada de usar litros e litros de água para tentar resolver. A 99 Desentupidora tem experiência e praticidade em resolver isso. Com atendimentos por todo o estado de São Paulo 24 horas por dia.

 

Com táticas simples assim o consumo de água irá reduzir.

Limpeza de calha

Para fazer uma limpeza de calha é preciso de uma escada para poder chegar ao local e um par de luvas para proteger as mãos.

 

Com cuidado ir retirando toda a sujeira da calha e a depositando em um saco de lixo, isso ajuda a agilizar a finalização da limpeza.

 

Após toda a retirada de sujeira, a limpeza da calha pode continuar com uma mistura de água com sabão para melhorar a higienização do local.

 

Dependendo da extensão da calha, esse trabalho pode ser realizado em até uma hora.

 

Se aparecer algum problema com entupimento, a 99 Desentupidora poderá atender a qualquer hora do dia e da noite, a empresa funciona 24 horas por dia e atende grande parte do estado de São Paulo.

Tipos de canos

Os canos são usados nas mais diversas tubulações de casas, prédios, estádios e etc. Para tais funções existem muitos tipos:

 

Cano PVC – O mais conhecido dentre os canos e usado em pelo 90% das obras. Com diversas conexões, colas e etc. é o mais indicado para receber água fria, pois suporta altas pressões e seu custo de manutenção é baixo. PVC significa Policloreto de Vinila.

 

Cano CPVC – Esse cano é a versão para receber as altas temperaturas para a água quente até os 80º. Ele também é usado em água fria, mas em menor escala. Seu surgimento se deve em uma evolução frente aos canos de cobre que enferrujam com o passar do tempo. O CPVC não. A sigla significa Policloreto de Vinila Clorado.

 

Cano de Cobre – Tipo de cano focada em água quente. Por anos foi o único a conseguir agüentar tais temperaturas. Seus pontos negativos são o custo que é alto em comparação ao PVC e também na manutenção por motivos de troca em períodos curtos. Isso gera um custo alto em poucos anos, entretanto ainda é muito usado em prédios antigos.

 

Cano de PEX – Produto que vem crescendo no mercado, pois sua flexibilidade por vezes faz com que não se use conexões. Sua forma é parecida com uma mangueira de jardim. Sua utilização é para água fria e quente, sendo 140º a temperatura máxima a suportar. Ele dura 50 anos e por não quebrar é o melhor para as manutenções. PEX significa Polietileno Reticulados Flexível.

 

Cano de PPR – Esse produto une a conexão ao cano. Essa inovação se deve para que o uso de colas seja diminuído ou simplesmente extinto. Além de que essa união desde sua produção diminui o risco de vazamentos nesses setores que unem dois canos por intermédio de uma conexão. 80º é o máximo que agüenta em temperatura térmica. PPR significa Polipropileno Copolímero Random.

Como instalar uma Cisterna

Alguns passos devem ser dados até a instalação de uma cisterna.

 

Limpar por completo o telhado e a calha, pois são os lugares primordiais que a água vai passar enquanto chove.

 

Podem ser feitas escolhas com relação ao tipo de cisterna, entre elas está se ela será externa ou interna. Para ser externa é indicado a colocar na sombra, pois recebendo luz solar todos os dias pode ocasionar o surgimento de fungos e algas, o que polui e pode deixar odor na água. Caso coloque a mesma no telhado é importante lembrar que uma caixa d’água de mil litros cheia chega ao peso de uma tonelada. O telhado precisa ser reforçado.  Se a escolha for interna daí é selecionar a área para se fazer o buraco e instalar a cisterna.

 

Outra escolha importante ao decidir ter uma cisterna é se vai adquirir uma já pronta de uma das empresas que oferecem esse produto ou se fará a sua própria cisterna com tubulações e um tonel grande para guardar a água.

 

Esses são fatos importantes ao optar ter uma cisterna. Seguindo essas escolhas poderá compreender o que fazer. Se optar por contratar uma empresa ela fará todo o trabalho. Caso escolha você mesmo fazer daí toda a mão de obra fica a seu cargo.

Coletar água da chuva

Para fazer a coleta de água da chuva é preciso de um mecanismo para guardar essa água: Uma Cisterna.

 

Com a cisterna instalada o caminho que a água faz para ser coleta é escorrer pelo telhado e calha. Daí chegará em uma tubulação que fará a mesma ir até a cisterna instalada de forma externa ou interna do local.

 

Em processo de coleta de água da chuva são usados canos e conexões como joelhos para que uma ligação aconteça. É a construção do caminho por onde a água passa.

 

Para assegurar a qualidade da água é importante que o telhado e calha estejam os mais limpos possíveis, assim a água não acumula tanta sujeira.

 

O mecanismo e a própria cisterna podem ser adquiridos por empresas especializadas ou feitos pelo proprietário. O ponto a ser analisado aqui são os custos e mão de obra.

Instalar canos

Para instalar canos o início se dá a partir da caixa d’água, por vezes são deixadas duas saídas para seguir o encanamento.

 

Exemplificando frente a uma casa comum, os passos a seguir seria descer canos de distribuição para que a água possa chegar aos cômodos. Um para a cozinha, um para a área de serviço, outro para o banheiro.

 

Em cada cômodo é preciso aumentar essa distribuição, vaso sanitário, lavatório e chuveiro, por exemplo. São usadas conexões chamadas de T para que existam essas saídas, assim como outros canos. Assim os três pontos podem ser executados ao mesmo tempo.

 

Para instalar os canos em um lugar é preciso fechar o registro geral da casa, assim nenhuma água vai atrapalhar o trabalho. Passe os tubos no chão e pela parede, os tamanhos são variados para cada função. Faça a interligação deles. Instale o lavatório, por exemplo, e coloque os canos de ligação embaixo dele para escoar a água e na parede para trazer água e ele. Sele a saída e entrada para finalizar a instalação.

 

Além dos canos gastos nos lugares citados, outros irão formar o esgoto, assim serão montados juntos aos ralos de banheiro e pia. A função deles é levar os dejetos para uma tubulação central o que não mais serve para as pessoas.

 

O gasto para com todos os metros de cano, conexões, colas e etc. vai depender da metragem do local, pontos de distribuição e excreção.

SOLICITE UM ORÇAMENTO
99 DESENTUPIDORA

Icone Formas de Pagamento - 99desentupidora

ENVIE UMA MENSAGEM PARA
99 DESENTUPIDORA

Atendemos todos os municípios e bairros:

Atendimento imediato em SP, Grande SP, ABC, Litoral e Interior:

Seguimentos da Desentupidora:

Serviços de limpeza e desentupimento

Chamar no Whatsapp!